Como receber o concreto na obra

 

como receber o concreto na obra

 

Muitos podem achar que receber um concreto no canteiro de obra é um processo simples ou até mesmo que nem existe um processo para tal. Mas, certamente, existem procedimentos e testes padrões que são de extrema importância. Inclusive, a Associação Brasileira de Normas Técnicas criou uma norma que trata, entre outras questões, do recebimento de concreto. Então vamos lá:

Conferência dos dados da Nota

 

Primeiramente, é necessário conferir os seguintes dados na nota fiscal:

  • Horário que o concreto saiu da central;
  • Pedido: verificar se o FCK (resistência característica à compressão do concreto aos 28 dias de idade) da nota confere com o da solicitação;
  • Fazer verificação do código do lacre;

Depois de verificados estes dados, é necessário fazer testes de qualidade, para conferir se o concreto chegou à obra com as devidas especificações do projeto.

 

Teste de Trabalhabilidade       

 

O “Tronco de Cone” é o primeiro teste a ser realizado, também conhecido como teste de SLUMP, e avalia a trabalhabilidade do concreto.

Tendo em mãos os seguintes equipamentos: molde tronco-cônico, gola, haste metálica, concha e uma base sólida, são seguidos os seguintes passos:

 

  • O molde cônico é preenchido em 3 etapas, com 25 golpes da haste metálica cada. Isso porque o concreto precisa ser adensado;
  • O topo do molde é regularizado;
  • A gola e o molde são removidos, cuidadosa e lentamente;
  • O abatimento é medido do ponto médio do concreto até o topo do molde.

 

teste para receber o concreto na obra

Teste de Resistência     

 

A segunda avaliação é da resistência do concreto. Para isso são moldados corpos de prova para cada caminhão betoneira. Os corpos de prova são rompidos em laboratório, para verificação da resistência especificada nas diversas etapas da cura do concreto. Nesse teste são utilizados moldes cilíndricos metálicos de 10 x 20 cm, e uma haste metálica.

O teste é feito da seguinte forma:

  • Primeiramente, os moldes são preenchidos de concreto, colocados em duas etapas e sendo adensados a cada vez com 15 golpes cada;
  • Após, são tirados o excessos da superfície e ela é regularizada com colher de pedreiro;
  • Os corpos de prova são identificados com etiquetas de acordo com uma ficha de moldagem;
  • Os corpos de prova são armazenados em um local com superfície plana até que a cura permita sua remoção;

 

corpo de prova para receber o concreto na obra

 

Normalmente, o motorista do caminhão betoneira faz a moldagem dos corpos de prova da empresa concreteira, garantindo a defesa em possíveis futuras contestações.

 

Depois destes procedimentos, o concreto já pode ser utilizado normalmente e sem preocupações

 

E aí, gostou? Continue acompanhando nosso blog para mais informações …

Iniciar Chat
1
Olá, tudo bem?
Gostaria de obter uma cotação?
Powered by